Revista de Odontologia da UNESP
https://www.revodontolunesp.com.br/article/61d726e2a9539567aa42e8b3
Revista de Odontologia da UNESP
Congress Abstract

Erosão dentária em crianças com refluxo: revisão de literatura

Thais Cabelo de OLIVEIRA, Milena Kaory KAZUME, José Antonio Santos SOUZA, Valéria Cristina Lopes de Barros ROLIM

Downloads: 0
Views: 29

Abstract

Introdução: A erosão dentária é um tipo de lesão não cariosa que consiste no desgaste do elemento dentário provocado por ácidos de origem intrínseca, quando envolvem doenças sistêmicas; e extrínseca, relacionado à dieta e uso crônico de medicamentos. O refluxo gastroesofágico é uma afecção comum na infância, que se caracteriza pela passagem do conteúdo gástrico para o esôfago causando incômodos e complicações. A relação entre tais patologias tem sido um fator de risco importante a ser considerado na incidência de erosões dentárias em crianças, pois os vômitos induzidos pelos distúrbios gástricos geram níveis elevados de ácidos na cavidade oral, aumentando a ocorrência de desgaste dentário. Objetivos: Este trabalho tem como objetivo revisar a literatura sobre a erosão dentária em crianças com refluxo, a fim de familiarizar os cirurgiões dentistas sobre essa enfermidade. Material e método: Foi realizada uma revisão de literatura através dos bancos de dados: SciElo, Biblioteca virtual em saúde e Google Acadêmico utilizando os descritores “Erosão dentária”, “Criança” e “Refluxo Gastroesofágico”, selecionados 4 artigos que passaram por uma leitura na íntegra para confecção deste estudo. Resultados: A erosão dentária é um problema de saúde pública que demostrou ter maior incidência em crianças e adolescentes, tendo uma prevalência mundial de 30,4%. Tal predisponência tem sido justificada pelo fato de os dentes decíduos possuírem uma camada de esmalte menos espessa e uma permeabilidade maior, comparados aos dentes permanentes. Em pacientes pediátricos com refluxo, as zonas de erosão são comumentes localizadas em dentes posteriores superiores. Conclusão: Diante do presente estudo foi possível concluir que, a erosão dentária é a principal consequência oral associada ao refluxo gastroesofágico. A inclusão do cirurgião-dentista no tratamento multidisciplinar desses pacientes torna-se extremamente importante, a fim de prevenir a progressão da lesão e o surgimento de outras patologias bucais.

Keywords

Erosão dentária; criança; refluxo gastroesofágico
61d726e2a9539567aa42e8b3 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections